segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

NA MESMA HORA




     Jesus voltou a Caná da Galiléia, onde havia transformado água em vinho. Estava ali um alto funcionário público que morava em Cafarnaum. Ele tinha em casa um filho doente.
     Quando ouviu dizer que Jesus tinha vindo da Judéia para a Galiléia, foi pedir a ele que fosse a Cafarnaum e curasse o seu filho, que estava morrendo.
     Jesus disse ao funcionário: —Vocês só crêem quando vêem grandes milagres!
     Ele respondeu: —Senhor, venha depressa, antes que o meu filho morra!
     —Volte para casa! O seu filho vai viver! —disse Jesus. Ele creu nas palavras de Jesus e foi embora.
     No caminho encontrou-se com os seus empregados, que disseram: —O seu filho está vivo!
    Então ele perguntou a que horas o filho havia começado a melhorar. Os empregados responderam: —Ontem, à uma da tarde, a febre passou.
     Aí o pai lembrou que havia sido naquela mesma hora que Jesus tinha dito: “O seu filho vai viver.” Então ele e toda a família creram em Jesus.
     Esse foi o segundo milagre que Jesus fez depois de ter ido da Judéia para a Galiléia.

João 4.46-54

Nenhum comentário:

Postar um comentário