segunda-feira, 11 de julho de 2011

PERGUNTAS RESPONDIDAS SOBRE SEXO COMENTADAS POR UM PASTOR (II)

Redação, iG São Paulo


8.      Eu só consigo me excitar imaginando situações eróticas. Mesmo achando o meu namorado atraente, não me concentro propriamente nele. Penso em filmes, fotos, contos... Posso ter algum tipo de desvio? 

Não. Isso não caracteriza nenhum tipo de desvio. Quase todas as pessoas têm fantasias sexuais. Existem as que não sentem muito prazer, e até mesmo são incapazes de atingir o orgasmo sem recorrer a elas. Com as fantasias, a vida sexual ganha uma diversidade que seria impossível no dia a dia. Por mais que exista grande atração entre um casal, a excitação não se dá sempre da mesma forma, tem altos e baixos. Lançar mão desse recurso funciona, muitas vezes, como estimulante para se recuperar a intensidade do desejo. E a variedade é grande: cenas, lugares, pessoas, podendo ser, em alguns casos, sobre um parceiro mais desejável do que aquele com quem se está fazendo sexo. (Regina Navarro Lins, psicanalista e colunista do Delas)

Pastor: Sim. Tá desviada dos caminhos de Jesus Cristo. O próprio asseverou: “Mas eu lhes digo: quem olhar para uma mulher e desejar possuí-la já cometeu adultério no seu coração” (Mateus 5:28 NTLH). É verdade que todos somos tentados, mas nunca podemos permitir que um “...pássaro faça ninho em nossa cabeça”, afirmou Martinho Lutero. Temos que estar com o nosso cônjuge de corpo, alma e mente.

9.      Já trai o meu marido e tive um orgasmo incrível, mas em sonho... Achei muito estranho! É mesmo possível ter um orgasmo dormindo? 

É possível sim e pode ocorrer durante a fase REM do sono, que é mais leve. Dependendo de como foi o dia (estímulos, sensações, sentimentos) da mulher, ela pode ter um orgasmo dormindo. (Amaury Mendes de Araújo Junior, sexólogo)

Pastor: Verdade. Todos podem gozar enquanto estão dormindo. No caso do homem acontece a polução noturna e na mulher a vagina produz fluidos que chegam a escorrer. Contudo, fica um conselho bíblico: “Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se  alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai” (Filipenses 4:8 RC). Fazendo assim, falaremos como o salmista: “Quando me deito, durmo em paz, pois só tu, ó SENHOR, me fazes viver em segurança” (Salmos 4:8 NTLH). Segurança até nos sonhos.
  


10.      Minha relação sexual dura de 20 minutos a 30 minutos. É um bom tempo?

A sociedade sempre quer dados estatísticos para mensurar o que é relativo e pessoal, e isso é o menos importante. É preciso entender que o organismo masculino é muito diferente do feminino. Em média, um homem demora de 3 minutos a 4 minutos para ficar excitado e ejacular, enquanto a mulher precisa de pelo menos 20 minutos para ficar lubrificada. Além disso, a excitação da mulher não é apenas física, ela é composta por etapas e tem todo um respaldo emocional que resultará nas reações físicas do orgasmo. Se o sexo está bom com o seu parceiro, então isso é o que importa. (Amaury Mendes de Araújo Junior, sexólogo)

Pastor: Concordo. A duração em estatísticas não é importante. Li um livro com o título: O Sexo Começa na Cozinha. Ou seja, tudo o que acontece durante o dia na vida do casal hétero casado proporcionará um maravilhoso encontro sexual. O homem está pronto mais rápido, porém Deus fez a mulher com a capacidade emocional mais estabilizada para o afeto, carinho, envolvimento. Se não tivesse sido assim, não seriamos diferentes dos animais irracionais.

11.      Qual é a posição que eles mais gostam? 

O homem prefere todas as posições que dão a idéia de domínio sobre a parceira, e a preferida é com ela “de quatro”. Apesar de não ser a posição ideal para a mulher, pois não favorece o orgasmo, o imaginário feminino pode ser aguçado pela imaginação de total entrega e confiança no parceiro. (Amaury Mendes de Araújo Junior, sexólogo)

Pastor: Tim e Beverly LaHaye (cristãos autores do livro: Ato Conjugal_p.82) dizem que há quase 100 posições diferentes para o ato conjugal. O problema é que para se realizar todas elas a pessoa precisa ser quase um acrobata (rsrsrs). Na verdade o casal deve procurar a melhor para a felicidade dos dois.

12.      Estou pensando em ter relações sexuais com meu namorado em uma piscina ou no mar (essa é uma vontade dele). Posso pegar algum tipo de infecção na água? E na banheira? 

A água não é um bom condutor para o sexo, pois pode diminuir a lubrificação e provocar um pouco de atrito na hora da penetração, mas vale pela brincadeira. É bom lembrar que o mar, a piscina ou a banheira alteram o pH vaginal, o que desequilibra a flora e pode deixar o ambiente propício para o aumento de germes pré-existentes na vagina. Isso pode gerar infecções como candidíase, tricomoníase e vaginoses. (Amaury Mendes de Araújo Junior, sexólogo).

Pastor: Sim. Pode pegar infecção. Principalmente na alma, quando vc faz sexo com qualquer pessoa que não seja o seu cônjuge. E fica esse alerta do sexólogo para os casais héteros casados. Escolham bem o lugar do sexo. Que nenhum casal cometa atentado violento ao puder. Seria muito triste e constrangedor tirar um casal cristão da cadeia por causa desse crime. 

Por

Pr. Gilmar Tavares Reis

23 comentários:

  1. Paz! Façam as suas perguntas também. Até a próxima!

    ResponderExcluir
  2. já participei de varios encontros de casais, mas nunca descobri se fazer carinho com a boca nos orgâos genitais do conjugue é pecado, como cristão, é ou não.

    ResponderExcluir
  3. Sr. ou Sra. Anônimo a paz do Senhor! O Pr Alan Brizotte diz no seu livro: Deus está na sua Casa? que:
    "Quando olhamos no mundo da atualidade, a sensação que temos é de uma guerra aberta contra a mentalidade de sexualidade sadia, saudável. É como se o sexo só proporcionasse prazer quando alienado da pureza, quando praticado em
    ambiências marginais"
    Bem, o que eu quero dizer com isso? Cada parte do nosso corpo foi feito com uma função definida, especifica. Sem falar que a boca é a porta aberta para o rebebimento de todos os nutrientes de que o corpo necessita para sua subsistência.
    Nesse caso, o risco de contaminação também existe e se houver alguma infecção na genitália, ou no próprio organismo do cônjuge. Principalmente quando a pessoa teve um histórico sexual deturpado ou que herdou dos pais.
    Nunca se sabe ao certo. A doenças sexualmente transmissíveis que ficam encubadas por um tempo. Eu recomendo exames pre-nupciais.
    Então, partindo dessa analise, fico a vontade para dizer que a boca deve ser preservada, logo, toda a saúde do corpo.
    Você pode olhar, tocar, massagear e se seu cônjuge se sentir bem e você também, a genitália pode receber com as mãos lubrificadas tuques até ao orgasmo. Isso não é masturbação, mas sim preliminares. Masturbação é quando a pessoa se satisfaz sozinho.
    Tenha muito prazer com o seu cônjuge na simplicidade do encontro sexual. Sempre primando a pureza do ato, lembrando que tudo que fazemos, inclusive o sexo, tem que ser para glória de Deus.

    Obrigado pela pergunta.

    ResponderExcluir
  4. Sou casada há vários anos. Nunca tive orgasmo por penetração, somente pelo estímulo ao órgão genital. Isso faz com que eu me sinta desmotivada para ter relações com meu marido, apesar de saber que isso é essencial para o casamento. Meu marido é super carinhoso e tenta fazer de tudo para me satisfazer, mesmo assim, não consigo ter orgasmo. Às vezes acho que devo abrir mão disso e me conformar apenas com as preliminares. Sou cristã e tenho certeza de que, se pedir ao Senhor que mude essa situação, Ele poderá fazê-lo. Porém, acho que me cansei de esperar por esse momento...

    ResponderExcluir
  5. pastor,sou evangelica,tenho principios, meu esposo tem muitas fantasias sexuais, inclusivel de carinho com a boca, nunca permiti que chegasse ao orgasmo mas, vou confessar ,detesto,o que eu fasso,preciso de um conselho espiritual, não quero sair da presença de Deus.

    ResponderExcluir
  6. Sra. Anônima (13 de julho de 2011 06:49)nunca abara mão da sua felicidade. Sim, a oração é importante e a senhora disse bem: "Deus pode fazer". Bem, a senhora deve ter uma conversa franca, carinhosa, com seu marido. A senhora é sábia para edificar a sua casa. Diga a ele como a senhora gostaria que fosse o encontro sexual. Veja com ele a possibilidade de irem mais de vagar, mais calma, explorando todo o corpo. O corpo é coberto por terminações nervosas muito sensíveis ao toque. Conversem e decidam não partirem logo para o estímulo genital, até porquê, o estímulo genital não deve ser uma regra. Valorizem o corpo todo. Outro sim, durante o dia, pense mais vezes no seu marido e se prepare para o encontro sexual. Gostaria também de recomendar dois livros: Ato Conjugal, editora Betânia e Sexo e Intimidade, da editora Mundo Cristão. Leiam juntos esses livros e observe este conselho de valorizar todos o corpo nas preliminares e afirmo que mesmo depois de muitos anos de casados poderão ter experiencias maravilhosas. Contudo, não fique frustrada diante da experiencia sem orgasmo vaginal, na hora da penetração. Aprenda a valorizar todo o ato conjugal.

    Obrigado pela pergunta.

    ResponderExcluir
  7. Sra. Anônima (13 de julho de 2011 08:42)o seu esposo é cristão? Se for, a conversa com ele ficará mais fácil. Se não for, a senhora precisará se posicionar com muita cautela. Lembrando que a esposa cristã purifica o marido não crente. Primeiramente ore a Deus e peça a Ele que esteja com a senhora. Depois chame seu marido para uma conversa franca, reservada, sobre a sexualidade de vocês. Diga a ele que toda essa lista a seguir é perversão, impura, e tais praticas compromete a ida para o Reino de Deus:
    i. Incesto – relação sexual entre parentes; ii. Adultério – relação sexual de uma pessoa casada fora do casamento; iii. Fornicação – relação sexual de pessoas solteiras; iv. Masturbação - estimulação manual dos órgãos genitais que ger. leva ao orgasmo; v. Homossexualismo – relação sexual entre pessoas do mesmo sexo; vi. Sodomia - coito anal entre indivíduos do sexo masculino ou entre um homem e uma mulher; vii. Bestialismo – relação sexual com animais; viii. Prostituição – atividade institucionalizada que visa ganhar dinheiro com a cobrança por atos sexuais e a exploração de prostitutas; ix. Pedofilia – prática efetiva de atos sexuais com crianças (p.ex., estimulação genital, carícias sensuais, coito etc.); x. Sadismo - perversão caracterizada pela obtenção de prazer sexual com a humilhação ou sofrimento físico de outrem; xi. Masoquismo - perversão caracterizada pela obtenção de prazer sexual a partir de sofrimento ou humilhação a que o próprio indivíduo se submete; xii. Sadomasoquismo - perversão sexual que resulta da combinação de sadismo e masoquismo; xiii. Necrofilia – uso de cadáver como objeto sexual; xiv. Voyeurismo – prazer em olhar senas eróticas, ou conversar sobre elas, cenas essas relacionadas com roupas íntimas, órgãos genitais, que em suma causam sensualidade (pessoas trocando de roupa, conversações sensuais, disque-sexo etc.); xv. Fetichismo – desvio do interesse sexual para algumas partes do corpo do parceiro, para alguma função fisiológica ou para peças de vestuário, adorno; e xvi. Sexo oral. Alguns dizem que não tem nada a haver, os animais fazem. Só que a diferença é que somos racionais, não é verdade? A senhora só deve se submeter ao seu marido no Senhor. É muito possível ser realizado sexualmente na simplicidade do sexo. Leia esses livros com seu esposo: Deus está na sua casa? Editora Primícias e Macho e Fêmea os Criou, editora Ultimato. Estarei orando para que Deus te dê essa vitória, amém?

    Obrigado pela pergunta.

    ResponderExcluir
  8. Eu só consigo me excitar imaginando situações eróticas.mas só imagino o erotismo com o meu esposo, tudo o que imagino é somente a respeito dele, sendo o meu amante, namorado, até mesmo meu próprio cliente. Tem algo de errado nisso?

    ResponderExcluir
  9. Sou evangélica e gostaria de saber se masturbação é pecado, se sim... por que e aonde está na bíblia. Fica na paz!

    ResponderExcluir
  10. Olá Anônima (7/11/11 20:53)! Primeiramente obrigado por sua participação neste singelo blog. Bem! A palavra masturbação não aparece na bíblia. A questão toda é a mente. Com a mente qualquer pessoa pode está em qualquer lugar, com qualquer pessoa e fazer qualquer coisa. Paulo ensinou assim: "Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai"
    (Filipenses 4:8). E até aonde eu sei, ninguém se masturba pensando no arrebatamento da Igreja, concordas?

    ResponderExcluir
  11. Olá Anônima (8 de agosto de 2011 05:38)! Só quero pedir mil perdões por ter demorado tanto a responder. Se pensas só no seu esposo não existe nenhuma objeção, pelo contrário, deves pensar nele muitas vezes. Só é errado pensar em alguém que não é o seu esposo. Até a próxima!

    ResponderExcluir
  12. hola pastor! tenho 17 anos e namoro há 7 meses! meu namorado é evangelico assim como eu,o nosso namoro foi confirmado por Deus de varias formas e ele ja falou que está entrando com providência sobre o nosso casamento, só que de uns dias para ca venho me sentindo muito tentada o meu namorado é forte nessa area mais o diabo esta me tentando a manter relações sexuais e tenho tentado de tudo para evitar só que eu estou me sentindo totalmente fraca sei que tem um espirito de pombagiria me atacando mas não sei mais oq fazer estou cada vez pior! e tenho muito medo de cair pois tenho um ministério e não quero perde-lo oq eu faço?

    ResponderExcluir
  13. Hi Anônima (Apr 3, 2012 02:51 PM)! Obrigado por visitares o meu blog e pela pergunta cheia de preocupações. Olha só, quero recomendar um vídeo pra você assistir e depois assista os demais relacionados, ok: O vídeo se encontra nesse endereço: http://www.livestream.com/amd7/video?clipId=pla_a5d190d6-0832-426c-83a9-e3d2c850ab5d
    Depois entre no youtube e encontre mais videos da Sarah Sheeva, ok? Paz e até a próxima!

    ResponderExcluir
  14. Pastor, sou casada há 3 anos e não tem relações sexuais.. no inicio tentamos umas 4 vezes e nunca mais... meu marido não me cobra e não gosta de falar no assunto, só diz que a culpa disse é minha.. quando eu me casei eu não me acostumei com o casamento e tratava ele muito mal, eu já pedi perdão a ele e me perdoou, graças a Deus... mas, com esse distanciamento, ficamos muito amigos e não somos mais marido e mulher... não fazemos planos juntos, acredito que o amo muito como um amigo, ele me trata muito bem e cuida de mim.. mas, sinto falta de um marido não somente na vida sexual, mas em todo o restante... não sei mais o que fazer... eu nunca o trai, pois fui criada dentro dos princípios biblícos e tenho o temor do Senhor.. mas, tambem não quero mais viver assim... se o Sr.º puder me ajudar com uma palavra sábia, eu agradeço de coração...

    ResponderExcluir
  15. Olá Maravilha (10 de novembro de 2012 06:40)! Primeiramente quero dizer que já estou orando por vocês. Segundo, essa situação não pode continuar assim. Terceiro, vocês fazem bem em não pensar em divórcio, até porquê nessas circunstâncias,um novo casamento seria pecado de adultério. Quarto, pelo jeito vocês não estão conseguindo se desvencilhar dessa situação, que vocês mesmo criaram, sozinhos. Vão precisar de ajuda. Se quiserem, dou atendimento pastoral gratuitamente na Catedral da Assembleia de Deus madureira, Anápolis GO. Quinto, vocês não podem se conformarem com isso. Precisam querer resolver o quanto antes. Sexto, não existe uma receita, uma palavra simplesmente. Vocês têm um histórico de 3 anos. Será necessário saber como tudo isso começo para que tenhamos uma direção a tomar.

    Estou a disposição,
    Sempre em Cristo,
    Pr. Gilmar

    ResponderExcluir
  16. pst sou evangelica e meu marido nao .temos problemas n area sexual.as vexes fico com nojo dele e nao quero ter relacao com ele.se deixar eu fico meses sem faxer nada.me ajude por que nao consigo fazer nada com ele

    ResponderExcluir
  17. Olá Anônima 26 de julho de 2014 07:46! Desculpe-me pela demora em responder, mas eis aqui o meu parecer.

    Nojo por quê? Ele lhe obriga a fazer algum tido de modalidade de sexo que você não concorda?

    Se for, o caminho é o diálogo. Diga, explique pra ele que você é uma nova criatura e que você prefere a simplicidade do ato sexual.

    Precisas também verificar se a sua saúde vai bem, pois se tiver tudo bem com a saúde, certamente terás desejo de sexo e esse desejo precisa ser saciado com seu marido.

    Se o seu marido não crente concorda de você ser serva de Deus, converse com ele e em oração, ele vai compreender que você quer e precisa de sexo, mas não como um casal incrédulo, ok?

    Voltes quando quiser.

    Pr Gilmar!

    ResponderExcluir
  18. pastor . me ajude em oraçao por favo eu estou afastado da igreja ..... eu agora cai em pecado de adulterio trai minha esposa..... mas me arrependi de mas.... nao quero mas isso..... mas nao consigo vouta pra igreja quero muito vouta...,., mas nao sei o que fazer...... sera que DEUS.... me perduo ???.....devo conta pra minha mulher ?? .....o que eu fazo ???

    ResponderExcluir
  19. Boa noite, estou com problemas em meu casamento, sou cristã e meu marido não é, ele não aceita a doutrina da igreja q freqüento, critica muito, reclama de mim, diz q sou fria, eu tomo calmante e anti depressivos devido a um tratamento q faço, sei que esses medicamentos inibem a libido, ele também sabe, mas me ameaça o tempo todo, não posso ir a igreja por causa dos meu problemas e ele me chantageia para me levar, ele quer fazer sexo anal, eu me recuso, ele me mandou embora.... Não tenho para onde ir, não aguento mais tanta humilhação, meu problema d saúde só piora devido as discussões e tudo isso na frente.do meu filho de 4 anos, discutimos o tempo todo, não sei nais o q fazer...preciso d ajuda!!! :(

    ResponderExcluir
  20. Pastor, bom dia. A situação que estamos passando não é conjugal, mas sim com a sexualidade do meu filho. Ele tem 13 anos e está apresentando comportamento gay. Não fala abertamente mas se expõe com colegas em conversas pelo MSN. Estou em oração, mas gostaria de uma orientação pois não aceito e sei que isso não é de Deus.

    ResponderExcluir
  21. Pastor minha dúvida e se sexo oral e pecado sou casada a 5 anos e me converti a pouco tempo a sempre fiz...

    ResponderExcluir
  22. Pastor minha dúvida e se sexo oral e pecado sou casada a 5 anos e me converti a pouco tempo a sempre fiz...

    ResponderExcluir
  23. Pr gilmar tavares fasso sexo com minha esposa e eu goso primeiro mas nunca fis ela gosar isso e pecado, somos cristaos

    ResponderExcluir