quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

William Franklin Graham (1918- )


O evangelista americano Billy Graham, como é chamado, é provavelmente o pregador mais conhecido em todo o mundo. Tendo estudado na Universidade Bob Jones, no Florida Bible Institute e no Wheaton College, o Dr. Billy Graham foi ordenado pela Convenção Batista do Sul em 1939, e tornou-se pastor da Primeira Igreja Batista em Western Springs, Illinois, em 1943.
Logo após, contudo, tornou-se um evangelista itinerante. O calor da sua pregação atraiu audiências cada vez maiores nos Estados Unidos. Em 1949 pregou para mais de 350.000 pessoas em Los Angeles durante oito semanas, e posteriormente este número foi muitas vezes ultrapassado. Na primeira viagem missionária fora dos Estados Unidos, um milhão de pessoas esteve presente nas suas pregações em Glasgow - foi o início de um reavivamento. Depois ele viajou para o Oriente, em 1956, para a Oceania, em 1959, e para a África e Israel em 1960. Daí em diante, começou a viajar por todo o mundo, chegando a pregar em quase 200 países.
Billy Graham iniciou a Conferência Mundial de Evangelização, em Berlin (1966), concebeu a Conferência de Lausanne (1974), onde se discutiu a evangelização e o envolvimento social dos cristãos, e teve notável participação na Conferência da Paz, em Moscou (1982) e no Congresso Missionário de Amsterdã (1983). Em 1974 pregou no Rio de Janeiro numa cruzada de quatro dias - mais de 25.000 pessoas se decidiram. Noutra pregação em Moscou, em 1992, aproximadamente 40.000 almas entregaram-se a Cristo.
A Associação Evangelística Billy Graham planeja e coordena suas cruzadas, presta aconselhamento e realiza o acompanhamento dos decididos. O evangelista tornou-se conhecido por tratar as finanças de forma transparente, assessorado por um grupo competente de profissionais. Seu nome nunca esteve envolvido em escândalos morais ou financeiros. É por essa razão que seu nome sempre foi respeitado nos EUA, tanto na comunidade evangélica como no contexto secular. Sua pregação evita doutrinas polêmicas e controvertidas, e geralmente  limita-se aos alicerces da fé. Seus sermões são simples e focalizados na mensagem de salvação para os perdidos.
Além do púlpito, seu ministério utiliza a televisão, o rádio e a mídia impressa. A postura de Billy Graham nunca foi proselitista; sempre teve como objetivo a multiplicação, e não a divisão. Ele decidiu jamais trabalhar numa cidade sem primeiro ter um convite de representantes da maioria das igrejas locais, e sempre encaminhar os novos convertidos para as igrejas da região. Alguns questionaram a permanência destas conversões, mas dos cerca de três milhões que ele trouxe para Cristo em suas cruzadas mais de 70% tornaram-se membros de alguma igreja, e muitos têm se tornado obreiros de tempo integral ou tomado outras posições de responsabilidade, permanecendo em sua decisão já por diversas décadas.
 Billy Graham é conhecido também por diversos livros publicados, dentre os quais vários traduzidos para o português. Destacamos aqui o Espírito Santo, de Edições Vida Nova.


CD_Pregue a Palavra

Um comentário:

  1. Senhor Jesus! Encha a minha vida com teu Espirito Santo. Obrigado!

    ResponderExcluir