sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Luis Palau (1934- )


Um menino de 12 anos, nascido na periferia de Buenos Aires (Argentina), decidiu-se por Cristo. Seu fervor era evidente, mas poucos poderiam imaginar que ainda traria mais de meio milhão de almas para o Senhor. Seu pai já havia mostrado paixão pelas almas: sendo um próspero construtor e membro da igreja dos Irmãos de Plymouth, usava seus caminhões nos fins de semana para levar crentes às cidades vizinhas para testemunhar e distribuir folhetos.
Criado neste ambiente, Luis Palau começou a evangelizar ainda na adolescência, pregando na escola e nas ruas. Quando o entusiasmo inicial se apagou, Palau afastou-se do Senhor - mas foi tão grande a sensação de vazio e de descontentamento que ele voltou - dessa vez para ficar. Aos 16 tomou a decisão: "servir apenas a Jesus Cristo e dar minha vida para sua obra".
Certa noite, ao ouvir Billy Graham pregando pelo rádio, Palau orou: "Jesus, usa-me também no rádio para trazer outros de volta a ti, da mesma forma que esse programa aumentou meu compromisso contigo". Pouco depois, a oração começou a ser respondida: logo começou um programa de rádio de sete minutos, chamado Meditação Cristã.
"Às vezes parece que estive pregando toda minha vida", comenta Palau. Embora tenha começado a pregar na Argentina ainda na adolescência, só após completar trinta anos conseguiu desligar-se de seu emprego e unir-se à SEPAL para dedicar-se de tempo integral à evangelização das massas. Na adolescência, apesar de pregar em praça pública, e seu esforço evangelístico, muito pouco acontecia. Não conseguia resultados e havia problemas em sua vida pessoal. Noites em oração, e nada acontecia. Finalmente, Palau entendeu que ele era apenas um veículo para a ação de Deus que, na sua soberania, faria a obra por meio do Seu Espírito. Essa foi sua maior batalha espiritual: deixar Deus ser Deus, e Luis Palau ser dependente dele.
Já na década de setenta, Palau e sua equipe começaram a pregar em toda a América Latina; logo chegaram convites também da Europa. No início dos anos oitenta, o ministério de Luis Palau tinha um impacto crescente e as portas começaram a se abrir em todo o mundo. A partir de então, grandes multidões têm lotado teatros, escolas e estádios para ouvir a mensagem do Evangelho. Na Hungria, falando para 12.000 pessoas, 1.000 decidiram-se. Na Rússia teve a oportunidade de falar para 40.000, e 8.500 tomaram a decisão.
Luis Palau já pregou o evangelho para 13 milhões de pessoas em 67 países, além de já ter sido ouvido por centenas de milhões pelo rádio e televisão. Palau ensina a fórmula do seu sucesso como pregador: "Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim." - Gálatas 2:20.

CD_Pregue a Palavra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário